No Estado de Mato Grosso, Bolsonaro lidera com folga a sucessão presidencial 2022

Se depender do eleitorado de Mato Grosso, o presidente Jair Bolsonaro seria reeleito para mais um mandato. É o que aponta o levantamento do Instituto Ranking Pesquisa, acusando a vantagem de Jair Bolsonaro (sem partido), com 21,10% das intenções de voto, contra 9,25% de Lula (PT). Em seguida, bem distantes das primeiras colocações, estão Ciro Gomes, do PDT (1,80%); Sérgio Moro, sem partido (1,65%); João Dória, do PSDB (1,50%); Henrique Mandetta, do DEM (1,30%); Marina Silva, do Rede (0,70%); Luciano Huck, sem partido 0,65%); Guilhereme Boulos, do Psol (050%); e Fernando Haddad, do PT (0,40%). Outros nomes tiveram 0,35% e

Leia mais »

Pesquisa mostra que haveria segundo turno para governador em MT, se a eleição 2022 fosse hoje

Se fossem hoje as eleições, haveria segundo turno no Estado do Mato Grosso. O atual governador Mauro Mendes, teria como adversário o Procurador Mauro, Emanuel Pinheiro ou Lúdio Cabral. Esta é a projeção desenhada no levantamento do Instituto Ranking Pesquisa, realizado agora em abril. Com 12,30% das citações, Mauro Mendes lidera as intenções de voto na pesquisa espontânea. O segundo é o Procurador Mauro, com 7,10%. Pinheiro é o terceiro, tem 5,05%, e ficou à frente de Lúdio (4,35%), Wellington Fagundes (3,25%), Eduardo Botelho (2,15%), Jayme Campos (1,55%), Blairo Maggi (1,25%), Ygor Moura (0,90%) e Max Russi (0,85%). Outros nomes tiveram

Leia mais »

Pesquisa: rádio bate televisão, mídias e redes sociais em MT

De acordo com levantamento da Ranking Comunicação e Pesquisa, em Mato Grosso o rádio é o meio de comunicação mais confiável, com 36,30% das citações. Entretanto, é pouca a diferença sobre a TV, que tem 32,50%. Na sequência estão os sites de notícias (17,95%) e redes sociais (7,08%). As outras alternativas somam 3,75% e não sabem ou não responderam 1,70%. O acesso à Internet (fixa e imóivel) está ao alcance de 90,05% da população, enquanto 9,95% não dispõem destes serviços. Entre as redes sociais mais utilizadas, o campeão é o whats app: 44%. Está à frente do Facebook (25%), Instagram

Leia mais »

Saúde, pandemia, impostos e desemprego são os maiores problemas em MT

Para a população de Mato Grosso, a pandemia da Covid-19 e seus efeitos, os serviços de saúde, os impostos e o desemprego constituem hoje os maiores problemas do Estado. Este é o resultado obtido no levantamento feito pelo Instituto Ranking Pesquisa, para apurar a opinião dos mato-grossenses sobre seus desafios mais importantes. Os serviços de saúde precarizados, com 23,05%, são o maior problema, seguidos de perto pela pandemia (21,10%) e a falta de vacinas (19,20%). Outros quatro itens se destacam na sondagem: impostos e tributações (17,25%), desemprego (16,45%), falta de investimentos na educação (15%) e segurança/falta de policiamento (14,50%). A

Leia mais »

Pesquisa: avaliação política dos Deputados e Senadores de Mato Grosso

Um levantamento foi realizado pelo Instituto de Pesquisa Ranking para avaliar os trabalhos dos parlamentares da Assembleia Legislativa, deputados Federais e Senadores. A avaliação da Assembleia Legislativa de Mato Grosso traz 30% de ótima e boa, 41,15% de regular e 18,25% de ruim e péssima, com 10,60% que não responderam ou não sabem. O instituto apurou que na avaliação dos deputados estaduais os nomes com melhores resultados e acima da faixa de 1% são: Dr João (7,05%); Janaína Riva (6,10%); Lúdio cabral (5,15%); Delegado Claudinei (4,00%); Thiago Silva (3,10%); Eduardo Botelho (2,65%); Ulysses Moraes (2,50%); Profesor Alan Kardec (2,40%); e

Leia mais »

Governador Mauro Mendes e o Presidente Jair Bolsonaro, tem boas aprovações no Estado de Mato Grosso

Dados do levantamento realizado no Estado de Mato Grosso pelo Instituto de Pesquisa Ranking apurou que o governador mauro Mendes Ferreira (DEM) tem 36,05% de ótimo e bom, mais que o dobro de ruim e péssimo (15,20%) e menos que a classificação de regular 45,10%. Os que não sabem e não responderam são 3,65%. PRESIDENTE BOLSONARO O Instituto Ranking Pesquisa perguntou os eleitores de Mato Grosso sobre a atual representação política, do presidente da República Jair Bolsonaro. Das pessoas entrevistadas, 38,20% avaliam ótimo ou bom o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), 27,10% acham péssimo ou ruim, 27,10% consideram ótimo ou

Leia mais »

Missão e coerência do Instituto Ranking Pesquisa

O Instituto Ranking Pesquisa, é uma empresa formada por profissionais experientes que atuam na área desde 2002. Com sede na cidade de Campo Grande, Estado do Mato Grosso do Sul, disponibiliza soluções em serviços de pesquisas de opinião de uma forma completa e integrada. Realiza pesquisas mercadológicas, eleitorais, avaliação governamental, sindicais, mídias sociais, dentre outras. Possuí vasta experiência em planejamento, execução e análise de pesquisas quantitativas e qualitativas. A empresa tem realizado pesquisas para agências de publicidade, emissoras de rádio, televisão e veículos de comunicação. Atua na realização de estudos estratégicos para partidos políticos, candidatos a cargos do executivo e legislativo,

Leia mais »

Pesquisa mostra Bolsonaro em empate técnico com Lula, e Moro com densidade eleitoral

A primeira investida da empresa sul-mato-grossense de pesquisa no mercado brasileiro, pretende ocupar espaço no segmento de levantamentos de tendências eleitorais e outros, acompanhando mudanças registradas nos últimos meses com o encerramento das atividades do IBOPE, que foi vendida para a inglesa Kantar. A empresa disponibiliza ao público dados variados sobre tendências e preferências da população, fortalecendo o conceito de diversidade sobre como a população enxerga o momento e os fatos relevantes que ocorrem no País. A pesquisa foi realizada de 14 a 16 deste mês. Foram ouvidas por telefone 3.070 pessoas a partir dos 16 anos de idade, em

Leia mais »

Instituto Ranking Pesquisa, divulga avaliação do governo Bolsonaro

O Instituto de Pesquisa Ranking realizou um levantamento com dados sobre a avaliação do presidente Jair Bolsonaro e a comparação com o mandato de presidenciais após o regime militar. Foram entrevistados 3.070 eleitores por telefone em 163 municípios da república federativa do Brasil. Região Sul 15,06%, região Sudeste 42,55%, região Nordeste 27,13%, região Norte 8,16%, região Centro-Oeste 7,10%. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro 2,5%, para mais ou para menos. O levantamento indica o melhor presidente brasileiro após regime militar. A maioria dos entrevistados (28,11%) citou Lula. Em segundo, o tucano Fernando Henrique Cardoso

Leia mais »